-->

Sala compacta e estreita com ótimas soluções

Repare, muitas texturas reunidas num só ambiente e mesmo assim ele parece "enxuto", apenas o essencial.
O segredo? Poucos móveis, cores claras no mobiliário/piso/paredes, parede menor revestida com textura de madeira, espelho no painel de TV para duplicar a largura da sala, estampas localizadas apenas nas almofadas, tapete claro sem contraste com o piso, iluminação dirigida e pontual.
Gostei do painel atrás do sofá, decorativo ele apoia quadros e objetos.
Interessante, o revestimento da parede, atrás do sofá, sobe ao teto e é valorizado pela sanca iluminada.

imagens via:houzz

Janela indiscreta ou elemento anti monotonia e isolamento?

Além de apreciar os motivos óbvios como por exemplo, aspectos positivos de habitabilidade (iluminação natural e salubridade), gosto quando a paisagem integra-se com os interiores e torna-se parte deles...tudo fica mais vivo/energizado e acolhedor... e não é somente a paisagem com vegetação, o cenário urbano me encanta e me traz a sensação de integração com a vida pulsante da cidade.
Confira minha seleção de ideias e depois deixe sua opinião, combinado? Bjos





















imagens via:elmueble,comidaparasolteiros,viverbemagora,
pinterest,casa.abril,revistacasaejardim,apartmenttherapy,
houzz,wohnidee

Teto Jardim/Telhado Verde é lindo e ajuda a melhorar a qualidade de vida nas cidades.

O teto-jardim/telhado verde é um conceito arquitetônico no qual a cobertura de uma construção é utilizada como espaço aberto de lazer/solário/convivência/jardim. 
O conceito foi desenvolvido por Le Corbusier na década de 1920 com a intenção de recuperar os espaços de solo ocupados pelas construções.
Ville Savoye, Poissy, 1929-1931, Le Corbusier
foto Marcio Cotrim

Com a difusão da arquitetura moderna em diversos países, o conceito de teto-jardim foi se multiplicando.

Hoje, a intenção do telhado verde é outra, devido aos problemas decorrentes da poluição, desmatamento e superaquecimento nas cidades, ele é uma forma de compensar as imensas áreas urbanas impermeáveis nos trazendo os seguintes benefícios:
1) Absorve até 90% do calor exterior, fazendo com que este não seja propagado para o interior da construção promovendo assim conforto ambiental e economia pois reduz o uso de ar condicionado...diminui a temperatura nos dias quentes e mantem o calor em dias de frio;
2) A vegetação utilizada no teto jardim produz oxigênio, melhorando a qualidade e umidade do ar no entorno;
3) É isolante acústico;
4) Retem parcialmente a água das chuvas e, com canalização adequada, contribui para evitar enchentes e alagamentos urbanos.
5) Ajuda a  reequilibrar o meio ambiente. Se, usadas plantas nativas, o telhado verde pode servir de habitat para espécies de pássaros locais;
6) Pode ser instalado sobre estrutura de concreto, metal ou madeira,  permite a implantação de solo e vegetação em uma camada impermeabilizada sobre as construções.
Despertei seu interesse? Que bom!... mas saiba que antes de executar um telhado verde é preciso tomar um cuidado especial, seja em construções novas ou existentes: peça ao profissional responsável um cálculo estrutural que preveja a resistência da estrutura à carga do substrato, da vegetação e também da água da chuva acumulada, isso é muito importante para manter a integridade da construção... e não esqueça! é necessário que a impermeabilização seja eficiente!
A seguir, um vídeo explicativo, assista   AQUI... e releve, no comecinho do vídeo, a palavra decoração deve ser trocada por paisagismo, atribuição do profissional arquiteto paisagista!
imagens via:web